Digital clock

quarta-feira, 24 de março de 2010

Salvação no tempo que se chama Hoje

Meditando com atenção na Bíblia Sagrada, certo pastor estava preparando um sermão baseada na passagem bíblica que diz: "Ouvi-te em tempo aceitável e socorri-te no dia da salvação: eis aqui agora o tempo aceitável, eis aqui agora o dia da salvação" (2 Co 6.2). Sem poder resistir, caiu em um profundo sono. E sonhou sendo levado em espírito até ao inferno, especificamente a um lugar onde os demônios, chefes de principados; e estavam todos estes assentados em volta de uma mesa, de formato oval. Ali, deliberavam entre si sobre que tipo de estratégia usaria para impedir o homem de aproximar-se de Deus.
Levantou-se o chefe de todos aqueles referidos demônios indagando com muita indignação: "Que faremos para destruir as almas dos homens?" Então, levantou-se um dentre eles dizendo: "Eu sei de um plano: irei à Terra e colocarei no coração dos homens que não existe Céu e nem inferno e que a Bíblia não passa de um conto de fadas!" Ouvindo isso e olhando uns para os outros, disseram: "Não, este plano não é bom!" Logo, manifestou-se-lhe o segundo falando-lhes: "Também tenho um plano: direi aos homens que não existe Deus e nem Jesus e que não há salvação para eles!" A mesma resposta deram a ele assim como foi ao primeiro.
Cessando este segundo de falar, levantou-se da mesa o terceiro, soberbo, e, com um enorme ar de prepotência, disse: "Eu já sei o que vou fazer: irei à Terra e direi que, de fato, existe Céu e também o inferno, direi que a Bíblia é a Palavra de Deus, direi que existe Jesus Cristo e que Ele é o Salvador, porém, colocarei no coração dos homens: hoje não, deixa para amanhã.
Foi exatamente esse demônio que enviaram!!!
É comum nos cultos de nossas igrejas quando, ao finalizar a pregação da Palavra do Senhor e dando início ao apelo, pessoas digam esta frase a que nos referimos acima. Pessoas que se acham "despreparadas" para aceitarem o convite da graça. A Escritura Sagrada nos faz saber que Jesus veio chamar "os pecadores ao arrependimento" (Mt 9.13). Outrossim, a mesma nos dá a entender que o Senhor deseja ardentemente a salvação do pecador: "... não querendo que alguns se percam, senão que todos venham a arrepepender-se" (2 Pe 3.9).
Na carta aos Romanos o apóstolo Paulo diz: "Porque a nossa salvação está agora mais perto de nós do que quando aceitamos a fé" (Rm 13.11b). Quantos que precisam estarem conscientes dessa verdade!!! Quantos entrelaçados neste mundo embaraçoso e dissoluto!!! Quantos recusando o convite da graça sendo que ela é extensiva a todos (Tt 2.11).
Verdade é que muitos "deixam para amanhã o que podem fazer hoje", contudo, não podemos cessar de anunciar a mensagem do Evangelho "durante o tempo que se chama hoje" (Hb 3.13), "a tempo e fora de tempo" (2 Tm 4.2). Usando da genuína fé, digamos: "Não podemos deixar de falar do que temos visto e ouvido" (At 4.20). O diabo tem seus artifícios para ludibriar a humanidade a fim de que esta não se achegue a Deus; contudo, Temos a Palavra de Deus e o poder do Espírito Santo para convencer o pecador da sua miserabilidade humana e da imensidão da graça de Deus a repousar sobre a sua vida, todavia, se ele se entregar ao Salvador das nossas almas. Quem tem ouvidos para ouvir, ouça, no tempo que se chama Hoje!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário